Policiais civis apreendem mais de 24 kg de maconha em Goianésia

354
maconha2
Droga somou 24 quilos

Após investigações, com base em denúncias anônimas, diligências e campanas, policiais civis da Delegacia Municipal de Goianésia e do Grupo de Repressão a Narcóticos (GENARC) abordaram, no dia 3 de setembro, um veículo Ford/Focus, que estava em atitude suspeita na praça da Matriz, no centro da cidade.

Dentro do veículo, estavam dois rapazes, o condutor Vinícius Ávila Winkler, de 22 anos, e um adolescente, de 17 anos. Após a abordagem, o menor confessou que no porta-malas do veículo havia uma mala de maconha, endereçada a “Cesinha”, identificado pelos policiais como Carlos César Lopes dos Santos, de 24 anos, que já responde por tráfico.

Munidos de tal informação, os policiais se deslocaram até a casa de Cesinha. Após abordagem, o próprio suspeito levou os policiais até o Morro da Ema, onde foram encontrados quase nove quilos de maconha. A droga que estava no veículo Focus pesou quase 15 quilos. Somadas, as porções de droga chegam a 24 quilos.

Cesinha e Vinícius serão autuados pelo crime de tráfico de drogas e associação para o tráfico. Vinícius também será autuado pelo crime de corrupção de menor. Já o menor responderá pelos atos infracionais semelhantes ao crime de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Responsável pelas investigações, o delegado Glênio Ricardo afirma que essa é a maior apreensão de maconha da história de Goianésia, uma cidade que não é considerada rota de tráfico. A ação que resultou na prisão dos traficantes teve o apoio do delegado regional, Marco Antônio Maia e do delegado adjunto da Delegacia Municipal, Murillo Leal Freire.

Texto: Assessoria de Imprensa da Polícia Civil
Foto: Polícia Civil / Goianésia