DENARC e Agentes Prisionais prendem esposas levando drogas para os maridos no presídio

356

Policiais Civis da Delegacia Estadual de Repressão a Narcóticos (DENARC), sob comando da Delegada Érica Botrel Teixeira, e Agentes de Segurança Prisional prenderam em flagrante, no último domingo, 07/04, por volta das 9 horas, na Penitenciária Coronel Odenir Guimarães (POG), Poliana Pereira Carvalho, de 28 anos,  e Eliana Correia Chaves, 35 anos, pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas.

Poliana Pereira foi presa por ocultar em seu órgão genital 165 gramas de maconha e Eliana  Correia por associar-se a ela com a finalidade de auxiliá-la no tráfico. A prisão das duas contou com o trabalho dos Agentes Prisionais da Inteligência da Agência Goiana do Sistema Prisional (AGSEP), Agentes Plantonistas da Penitenciária e Policiais Civis da DENARC. A droga apreendida, um tablete de maconha, estava ocultada no órgão genital de Poliana e seria entregue no presídio no dia da visita ao marido dela,  Danilo de Oliveira Torres, de  22 anos, que atualmente cumpre pena penitenciária pela prática de crime de homicídio.

Drogas apreendidas com os esposas dos traficantes presos

Eliana, auxiliar de Poliana no crime, também possui marido preso na POG. Trata-se de   Fernando Borges da Silva, 37 anos, detido na Ala B da penitencária, onde cumpre pena pelos crimes de homicídio, tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo.  Além da quantia apreendida,  Poliana escondia em sua casa mais uma porção de maconha, pesando 42 gramas, que teria ficado guardada. Segundo ela, não foi possível escondê-la em seu órgão genital e por isso teria ficado para trás.

O presidente da AGSEP, Edemundo Dias, elogiou a operação da Polícia Civil e parabenizou a área de Inteligência da AGSEP pela colaboração nos trabalhos. “O resultado não poderia ser diferente. Estamos todos de parabéns. Os trabalhos de parceria entre a DENARC e a AGSEP têm sido de grande importância para soluções de crimes dessa natureza, ou seja, que envolve de alguma maneira o sistema prisional goiano”.

O Delegado Odair Soares, titular da DENARC, também satisfeito com a parceria, elogiou o trabalho e agradeceu o apoio. “São ações assim que fortalecem o Sistema de Segurança Pública goiano. Polícia Civil e AGSEP são órgãos parceiros e compartilham de um mesmo desejo, que é a diminuição da criminalidade. O trabalho em conjunto, bem realizado, só agrega qualidade à prestação do serviço público”.