Após perseguição, policiais civis de Goianésia apreendem 15 quilos de maconha e crack

487
goianesia dupla
Droga estava num Fiat Strada

A Polícia Civil de Goianésia prendeu, no dia 6 de outubro, um traficante que transportava 15 quilos e aprendeu um menor que também participava do trasporte do entorpecente. Ambos foram pegos depois de perseguição policial. O veículo, que levava maconha e crack, foi abordado no Setor Muniz Falcão, próximo à pecuária da cidade.

Segundo o delegado Glênio Ricardo Alves, a Polícia Civil havia recebido denúncias sobre a chegada do entorpecente na cidade e, por isso, determinou diligências no sentido de localizar o produto e os responsáveis por ele. O Grupo de Repressão a Narcóticos (GENARC) da cidade já investigava o caso.

Ao perceber que os policiais localizaram o veículo, durante a madrugada, o condutor tentou fugir em direção a Jaraguá. Policiais atiraram contra os pneus, forçando a parada do veículo. No volante, estava Jarbas dos Santos Coelho, de 22 anos. O menor P.H.S.C., de 17 anos, estava no banco do passageiro. Como de praxe, eles não quiseram informar para quem seria entregue a mercadoria.

A dupla foi autuada em flagrante pelo crime de tráfico de droga e associação para o tráfico. Jarbas também responderá pelo crime de corrupção de menor. “Mais uma vez, tiramos de circulação vários quilos de droga e, embora não seja uma grande quantidade, há sim um prejuízo considerável aos traficantes”, disse Glênio Ricardo, que agradeceu o apoio do delegado regional Marco Antônio e do delegado adjunto da Delegacia Municipal, Murillo Leal.

Texto: Assessoria de Imprensa da Polícia Civil
Foto: Polícia Civil / Goianésia