Policiais Civis de Morrinhos prendem em mãe suspeita de tentar vender o próprio filho

325
Nathalia Aparecida Almeida Bento, de 20 anos

A Polícia Civil (PC) de Morrinhos prendeu em flagrante Nathalia Aparecida Almeida Bento, de 20 anos, suspeita de tentar vender o próprio filho, recém nascido, em um hospital particular.

Segundo a Polícia Civil, ainda durante a gravidez a mulher estaria negociando a criança com um casal de Goiatuba, mesma cidade de Nathalia. O caso foi registrado pela polícia nesta última segunda-feira (29).

Conforme informações da  Polícia Civil, um casal, identificado como Lucas Silva – também chamado de Darlan –, e Rosana Fernandes, estaria negociando com a mãe do bebê. Os dois seriam donos de uma loja de carros em Goiatuba, localizado a 178 quilômetros da capital.

Valores
Segundo a Polícia Civil, a mãe da criança recebia mensalmente pela gestação do bebê, e que até agora teria recebido aproximadamente R$ 5.800. O valor combinado era de R$ 7.800. “O parto seria realizado no Mato Grosso, para despistar a polícia, mas como no sábado ela teve complicações médicas vieram para Morrinhos, tendo o parto ocorrido em um hospital particular”, relata a polícia responsável pela ocorrência

Segundo a polícia do município, o valor de R$ 2.300, que foi pago a vista na maternidade, chamou a atenção do conselho tutelar e da polícia que iniciou as investigações sobre a negociação do bebê.

Já por volta das 19 horas dessa última segunda-feira (29), os policiais civis prenderam Nathalia Aparecida, que teria confessado o crime, além de contar que teria se identificado na maternidade com o nome da mulher que compraria a criança, relata a polícia.

“Se não fosse rápida a ação da polícia, até a certidão de nascimento seria expedida em nome dos compradores, pois os documentos já estavam preenchidos em nome do casal”, destaca a delegacia da Polícia Civil.

De acordo com informações da polícia, Natalia Aparecida foi autuada por comércio de recém nascido e por falsa identidade. Ainda segundo a PC, o suposto casal de compradores está foragido.

Fonte: Jornal O Hoje
Texto: Elvis Marques