Policiais Civis de Planaltina prendem autores do crime de latrocínio de fazendeiro

365

Armas roubadas na fazenda da vítima

Policiais Civis de Planaltina de Goiás prenderam, ontem (25.06), Renaldo Lino de Jesus  vulgo Naldo, e Anderson Cardoso dos Santos, dois dos quatro autores do crime de latrocínio do fazendeiro Benedito Machado Guimarães, conhecido por  Seo Dito, fato  ocorrido no último dia 19, na zona rural de Água Fria de Goiás. Os policiais apreenderam com a dupla, o que reforça ainda mais a tese da autoria, as armas subtraídas da fazenda onde a vítima residia, sendo um revolver calibre 38, uma espingarda calibre 22 e uma garrucha calibre 22.

Os Policiais Civis apreenderam com Renaldo o revólver calibre 38 usado no crime. Ele é apontado como sendo o  autor dos cinco disparos que mataram o fazendeiro, bastante conhecido na região. Na companhia de Naldo foi preso Anderson Cardoso dos Santos, que deu fuga ao autor dos disparos, juntamente com outros dois elementos, estes já presos no Guará, no Distrito Federal. Lembrou o Delegado Fernando Alves Barbosa, Titular da Delegacia de Polícia de Planaltina que todos os envolvidos no crime já foram identificados.