Policiais civis do GT3 atuam em destruições de serrarias na Amazônia

440
Imagem de serraria sendo destruída.
Imagem de serraria sendo destruída.

Policiais civis do GT3 (Grupo Tático 3) participaram nos últimos dias de ações que destruíram serrarias ilegais na Floresta Amazônica. As serrarias extraíam clandestinamente madeira de terras indígenas e foram rastreadas por satélite. Caminhões e tratores usados pelos criminosos também foram destruídos.
De acordo com o delegado André Gustavo Ganga, o GT3 enviou uma equipe para auxiliar cerca de 200 homens da Polícia Federal, Polícia Rodoviária Federal e do Ibama (Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis). “Viajamos por três estados – Amazonas, Pará e Maranhão – e ficamos responsáveis pelas explosões. Mais de vinte serrarias ilegais foram destruídas”, afirmou.
Confira abaixo o vídeo de uma das explosões.