Preso pela Polícia Civil, em Jaraguá, homem acusado de matar ex-companheira

322
enilton
Enilton Monteiro de Souza

A Polícia Civil de Jaraguá, cidade localizada a 124 quilômetros de Goiânia, cumpriu, no dia 27 de julho, mandado de prisão em desfavor de Enilton Monteiro de Souza, de 36 anos, acusado de matar a golpes de faca a ex-companheira Maura Gonçalves de Oliveira, de 32 anos. O crime aconteceu no dia anterior à prisão.

Segundo o delegado da cidade, Webert Leonardo, a vítima manteve relacionamento com Enilton por aproximadamente três anos, sendo que em dois desses, eles dividiram a mesma moradia. O casal teria se separado em maio de 2012, mas foi visto novamente junto em uma festa de família em junho de 2014.

No entanto, Maura teria iniciado novo relacionamento, com Lourivaldo Fialho Pereira, pouco mais de uma semana antes de ser morta. À polícia, Lourivaldo contou que ele e Maura foram surpreendidos por Enilton, logo após chegarem de uma festa na pecuária da cidade. O acusado teria entrado na residência e desferido três golpes contra a vítima, que morreu na hora.

Após o crime, Enilton fugiu. As diligências a sua procura começaram imediatamente, logo após a representação pela prisão, atendida de pronto pelo Poder Judiciário. No dia seguinte ao crime, o suspeito, por meio de advogado constituído, entrou em contato telefônico com a delegacia e demonstrou interesse em se apresentar.

Assim que se fez presente à delegacia, policiais cumpriram a ordem judicial que determinava a prisão do investigado. Em seguida, ele foi encaminhado ao presídio local. O delegado Webert destacou o empenho da equipe de investigadores na elucidação do caso, que chocou a população local.

Testo: Flávia Guerra – Assessoria de Imprensa da Polícia Civil
Foto: Polícia Civil / Jaraguá