Dois presos em Itaberaí por tráfico e roubos. Latrocínio também é investigado

750
itaberaí montagem
Adriano e Rafael

Policiais civis da Delegacia de Polícia de Itaberaí prenderam, no dia 7 de agosto, Adriano Ribeiro de Campos, foragido da Justiça de Indiara há aproximadamente dois anos, e Rafael Pires Pinheiro, suspeito de tráfico de drogas.

Segundo a delegada de Itaberaí, Josy Alves de Sousa Guimarães, Adriano foi preso em flagrante pelo roubo qualificado de uma camionete Hilux, cometido na mesma data, na cidade de Goianira. Ele confessou o crime. O veículo foi recuperado, com o apoio da Polícia Militar.

De acordo com as investigações, Rafael integra a organização de Adriano e era o responsável por transportar a droga fornecida em Itaberaí. Além disso, seria o responsável por revender a droga a traficantes menores. Ambos já possuíam passagens anteriores por tráfico.

Adriano Ribeiro é suspeito de comandar roubos de carros, principalmente camionetes, na região compreendida entre Itaberaí, Itauçu, Inhumas e Goianira. Além disso, era distribuidor de drogas em Itaberaí e possível mandante de homicídios.

Segundo a delegada, Adriano pode estar envolvido no latrocínio do cabo da Polícia Militar, Sérgio Teodoro Caetano, ocorrido no dia 12 de junho. “No dia 3 de agosto, dois menores, que teriam roubado uma camionete em Itaberaí, a mando de Adriano, foram apreendidos em Inhumas, com a arma que o policial usava no dia do assassinato”, conta.

Texto: Assessoria de Imprensa da Polícia Civil
Fotos: Polícia Civil / Itaberaí