Polícia Civil: Professor suspeito de estuprar adolescente é preso pela DEAM em Luziânia

474
professot
Márcio Martins

Policiais civis da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (DEAM) de Luziânia cumpriram mandado de prisão contra o professor Márcio Martins, de 39 anos. Ele é suspeito de “estupro de vulnerável”, já que ele terica acariciado uma menor de idade (H. E. S. A., de 13 anos).

De acordo com a polícia civil, o professor também manteve conversas telefônicas com a adolescente, nas quais ele chegava a oferecer dinheiro. Por meio de uma rede social, Márcio pediu que a vítima não contasse o que ocorreu entre eles para ninguém. Em depoimento, a garota disse que o professor a chamou para a biblioteca da escola, onda acariciou o corpo dela e tentou beijá-la.

Segundo a delegada Caroline Matos, após o encontro, o suspeito entrou em contato com a vítima pela rede social. Na conversa, ele ofereceu R$ 50 para a jovem, por um “lance” que, conforme a apuração, seria uma relação sexual.

Nas mensagens, a adolescente perguntou para o professor se ele já havia ficado com outras alunas e ele respondeu que sim.

De acordo com a delegada, o professor nega ter sido ele o responsável pelas conversas, embora reconheça a imagem dele nos diálogos. Ainda segundo Caroline, não chegou a acontecer nada carnal, mas houve atos libidinosos. Ela acredita que pode haver mais vítimas.

Texto: Diário de Goiás
Foto: Polícia Civil / DEAM / Luziânia