Polícia Civil: Deam prende em Anápolis suspeito de estuprar pelo menos 12 mulheres

504

A Polícia Civil apresentou, na manhã desta quarta-feira (12), um homem de 30 anos suspeito de estuprar pelo menos 12 mulheres na região norte de Anápolis, cidade a 55 quilômetros de Goiânia. De acordo com a polícia, o acusado foi reconhecido pelas vítimas, que são, em sua maioria, estudantes universitárias e de ensino médio. Agora, a Polícia Civil espera que mais vítimas apareçam para prestar queixa.

Ernandes Andrade: Estuprador preso

O suspeito, que é casado, agia há três anos, segundo a polícia. De acordo com a delegada titular da Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher (Deam), de Anápolis, Aline Vilela, os crimes aconteciam no momento em que as jovens iam para suas as unidades de ensino.

Exames feitos pelo Instituto Médico Legal (IML) confirmaram o estupro em quatro delas. Segundo a delegada, além de abusar das estudantes, o suspeito também roubava bolsas e objetos das vítimas. Ele está preso no Centro de Inserção de Anápolis.

De acordo com a Polícia Civil, não há, em Goiás, registro de um mesmo suspeito que tenha cometido esse número de estupros. “Ele mora na região norte de Anápolis e todos os estupros foram cometidos nesta região, que ele conhece muito bem. Ele preparava o ambiente onde os atos seriam cometidos. Agia com extrema violência. Utilizava uma faca e, além de ameaçar as vítimas com essa arma, também as lesionava, chegando até a cortar todas as peças íntimas”, detalha Aline Vilela.

Fonte: G1/GO
Foto: Polícia Civil