Suspeito de tentativa de latrocínio é preso em Pontalina

408
pontalina
Imagens de segurança ajudaram a identificar suspeitos

Policiais civis de Pontalina prenderam, no dia 31 de outubro de 2015, Wedson Calado de Souza, de 26 anos, por cumprimento do mandado de prisão temporária pela tentativa de latrocínio ocorrida em 17 de setembro do corrente ano, contra as vítimas Francisco de Assis Borges, vulgo “Chicão da Só Leite”, e Lidiane Oliveira Xavier.

De acordo com a Polícia Civil de Pontalina, na data do crime, Wedson e um segundo autor abordaram as vítimas quando elas chegavam a uma fazenda e as seguiram até a cidade, para praticarem o roubo. Apesar de não terem conseguido subtrair nenhum bem material das vítimas, Wedson e o comparsa efetuaram vários disparos de arma de fogo contra o veículo das vítimas.

De acordo com as investigações, a perseguição dos autores às vítimas perdurou cerca de 15 minutos dentro da cidade, deixando em pânico as pessoas que presenciaram os disparos. As investigações no sentido de identificar os autores da tentativa de latrocínio começaram imediatamente após os fatos.

wedson
Wedson Calado de Souza

Imagens de câmeras de segurança ajudaram a Polícia Civil a identificar Wedson. De acordo com as imagens, ele utilizou uma motocicleta Fazer 250 CC, cor vermelha, além de utilizar uma jaqueta e um capacete bastante peculiares. Diante de tais evidências, a Polícia Civil representou ao Poder Judiciário pela decretação de sua prisão temporária.

Após o Poder Judiciário decretar sua prisão temporária, policiais civis passaram a monitorar Wedson, com o objetivo de realizar sua prisão quando o mesmo estivesse de posse da moto, do capacete e da blusa de frio utilizados no momento crime. Ele foi abordado ao chegar em Pontalina, vindo da cidade de Aparecida de Goiânia, onde reside. O segundo autor já foi identificado, mas, segundo a polícia, encontra-se no exterior.