DEIC prende três traficantes em Goiânia com 130kg de maconha. Dois tinham antecedentes

362
maconha deic
Maconha apreendida

Após uma denúncia recebida pela Polícia Civil (PC) no último dia 23, de que um homem da cidade de Aragarças (GO) estaria vindo até a capital, de ônibus, buscar artefatos explosivos, equipes do Grupo Antirroubo a Banco identificaram um dos suspeitos, Fernando Carlos Morais.

No dia seguinte a ligação, ele foi seguido pela Polícia Civil até o Terminal Rodoviário de Goiânia, onde se encontrou com Gean Gomes de Souza e Renato Augusto de Sousa. A abordagem ao grupo foi feita no momento em que Renato mostrou uma mochila para Fernando, com 6kg de maconha.

De acordo com o chefe do Grupo Antirroubo a Banco (GAB) e delegado Adjunto da Delegacia de Investigações Criminais (DEIC), Alex Vasconcelos, Fernando assumiu que estava na cidade para buscar a droga que seria entregue a um traficante da cidade de Aragarças, e como pagamento receberia algumas porções de crack. Já Renato e Gean entratram em contradição nas versões apresentadas a polícia. Com isso, os agentes foram até a casa dos dois, e na casa de Gean, localizada no Residencial Serra Azul, foram apreendidos outros 124 kg de maconha e uma balança.

Os três homens foram autuados pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico. A pena pode variar de 8 a 25 anos de reclusão. Gean e Renato já tinham passagem por tráfico de drogas e Fernando não possuia registros criminais.

Texto: Diário de Goiás
Foto: Diário de Goiás