Mulher é presa por posse de arma e munições em Bom Jesus

399

Os policiais civis da Delegacia de Polícia (DP) de Bom Jesus e da 2ª Delegacia Distrital de Polícia (DDP) de Itumbiara, com apoio da Polícia Técnico-Científica, deram cumprimento ao mandado de busca e apreensão na Fazenda Santa Fé, localizada no município de Bom Jesus.

A operação foi deflagrada nessa quarta-feira (2). Após receber denúncia de maus tratos de cachorros utilizados na caça de animais silvestres encaminhada pelo Ministério Público, os policiais civis empreenderam diligências para apurar as informações e a autoridade policial representou pela busca e apreensão na residência de Antônio Carlos Alves da Silva, conhecido como “Negão Tatuzeiro”.
No local foram encontrados aproximadamente 65 kg de carnes de animais silvestres provenientes da caça ilegal, inclusive carne de tatu, o que confirma o apelido pelo qual Antônio Carlos é conhecido. Ainda foram apreendidos uma arma de fogo tipo espingarda, munições e diversos objetos sem procedência lícita.

Em relação aos animais, restou comprovada a existência de vários cachorros na propriedade rural, usados na atividade de caça. Porém, apenas um deles apresentava sinais de desnutrição e maus tratos, tendo sido recolhido.

Celine Dias dos Santos, companheira de Antônio e que estava na residência no momento das buscas, foi presa em flagrante pela prática dos crimes de posse ilegal de arma de fogo e munições, receptação e dois crimes ambientais, nas modalidades de maus tratos e por manter em depósito/guarda produto oriundo de caça ilegal.