Depai de Luziânia busca provas de envio de vídeos pornográficos envolvendo crianças

449

DILIGÊNCIA NA RESIDÊNCIA DEA.M.A.PPoliciais civis lotados na Delegacia de Apuração de Atos Infracionais (Depai) de Luziânia cumpriram, no dia 17 de junho, mandando de busca e apreensão, numa residência, no bairro Sol Nascente, naquele município. Segundo o delegado Marcus Brener, titular da especializada, o objetivo da ação era colher provas da prática do crime de transmissão de imagens e vídeos pornográficos envolvendo crianças.

Na ocasião, foram apreendidos um computador e um cartão de memória utilizados pelo suposto autor, o menor de idade A.M.A.P, investigado pelo envio das imagens e vídeos pornográficos. As investigações foram iniciadas nos Estados Unidos e culminaram com as apreensões no Sol Nascente, em Luziânia, local de origem das publicações.