Em Luziânia, Polícia Civil prende suspeito de duplo homicídio qualificado

499
tresse
Tresse (de bermuda) e policiais que participaram da prisão

Os policiais civis Marcos Paulo, Thiago Muller, Marcílio, Paulo Ribas e Euriston da Motta, lotados na 2ª Delegacia de Polícia de Valparaíso de Goiás, e Maciel, da 2ª Delegacia de Polícia de Luziânia, todos sob o comando do delegado Olemar Santiago, prenderam, no dia 8 de dezembro de 2015, André Matheus Silva Sposito Tresse, contra quem havia dois mandados de prisão, ambos por homicídio qualificado.

A prisão ocorreu quando os policiais de Valparaíso estavam em outra diligência, a fim de prenderem um suspeito de latrocínio tentado, delito praticado contra um escrivão da Polícia Civil de Goiás, em 7 de dezembro do ano corrente. Ao realizarem uma abordagem no bairro Jardim Ingá, em Luziânia, próximo a um dos esconderijos do suspeito de latrocínio, André rapidamente se esquivou da abordagem policial e tentou fugir, mas foi cercado pelos policiais e detido.

Há dois meses, policiais civis do Distrito Federal e de Goiás haviam tentado prender André, em Águas Claras/DF, porém, sem sucesso.