Equipe da DOT apreende mercadoria com notas fiscais irregulares

310
Ação contou com agentes da Polícia Civil e do fisco.
Ação contou com agentes da Polícia Civil e do fisco.

A Polícia Civil, por meio da DOT (Delegacia de Repressão a Crimes contra a Ordem Tributária), em parceria com a Secretaria da Fazenda do Estado de Goiás, realizou na noite de quarta-feira (25/11) a apreensão de um caminhão com mais de 17 mil peças de vestuário que estavam sendo transportadas com notas fiscais irregulares.

De acordo com o Delegado Germano César de Castro Melo, a carga foi avaliada por auditores da receita estadual em 180 mil reais. Ele ainda explicou que o proprietário terá de recolher aos cofres públicos aproximadamente 150 mil reais referentes a tributos sonegados e multas que lhe foram aplicadas para ter a mercadoria devolvida e sua situação regularizada junto ao fisco.

Germano também lembrou que, em casos de crimes tributários, o recolhimento dos tributos devidos evita a persecução penal: “A legislação estabelece que o pagamento devido gera a extinção da punibilidade do agente”, afirmou.