Foragido é recapturado pelo GENARC de Niquelândia

413
denivaldo
Denivaldo da Costa Tavares

A equipe de policiais civis do Grupo de Repressão a Narcóticos (GENARC) de Niquelândia, após denúncias anônimas e intensa investigação, efetuou, no dia 3 de maio de 2015, a prisão de Denivaldo da Costa Tavares, vulgo “Cabeça Branca” , indivíduo foragido do sistema prisional, onde cumpria pena por roubo, receptação e porte ilegal de arma de fogo.

De acordo com o delegado Cássio Arantes do Nascimento, que coordenou as investigações, Denivaldo estava na casa de sua mãe, no Jardim Atlântico II. No momento em que os policiais entraram na residência, o foragido se escondeu em uma caixa de papelão, sob uma estante, num dos quartos da casa. No entanto, seu esconderijo foi descoberto pelos policiais.