GENARC de Novo Gama coloca outro traficante na cadeia

455
ingrison
Ingrison de Souza Gomes

Policiais civis do Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (GENARC) de Novo Gama prenderam em flagrante, no dia 17 de abril de 2015, Ingrison de Souza Gomes, de 20 anos, pelo crime de tráfico de drogas. Com ele, foram encontradas porções de cocaína e outra grande quantidade de droga em sua residência, situada no Loteamento Lunabel 3, naquele município, para onde os policiais se deslocaram após denúncias sobre tráfico.

De acordo com as investigações, Ingrison estava em frente à residência e, ao perceber a presença da viatura, mostrou-se bastante incomodado. Diante da atitude suspeita, os policiais o abordaram, ocasião em que encontraram no bolso traseiro de sua bermuda nove porções de cocaína. Ele alegou que as porções seriam para consumo próprio.

Questionado sobre a existência de mais drogas no interior de sua casa, o traficante negou, mas franqueou a entrada aos policiais civis no local, alegando que eles não encontrariam nada de ilícito. Durante a revista no interior da casa, porém, os policiais encontraram 19 porções de crack e mais 14 porções de cocaína, devidamente embaladas para comercialização.

Interrogado, Ingrison confessou a prática do tráfico de drogas, alegando que comete tal delito por não ter oportunidade de emprego, tendo em vista apresentar deficiência física ocasionada por 15 disparos de arma de fogo, frutos de uma emboscada criminosa. Participaram da prisão os policiais civis Francisco Flávio e Eufrásia, bem como o escrivão Eduardo Ferreira Bastos, todos coordenados pelo delegado Maurício Rocha Passerini.