GEPATRI de Itumbiara apreende carga de agrotóxicos e prende proprietário de empresa

395
agrotoxico
Armazenagem foi feita de forma incorreta

Policiais civis do Grupo Especial de Repressão a Crimes Patrimoniais (GEPATRI) de Itumbiara, coordenados pelo delegado Lucas Finholdt, apreenderam, no dia 30 de junho de 2015, uma carga de agrotóxicos em desacordo com as normas legais de armazenagem, situação que configura crime ambiental. O proprietário da empresa, Wander Miro Tannus, de 55 anos, foi autuado em flagrante delito, por manter em depósito produto ou substância nociva à saúde humana ou ao meio ambiente.

Foram apreendidas 209 caixas de agrotóxicos de marcas diversas, sendo 90 caixas de formicida Isca, da marca Kombate, de 25 kg cada. A equipe do GEPATRI investiga, ainda, possível crime tributário e crime de falsificação dos produtos, aguardando resultado de perícia. Interrogado, o investigado confessou a prática do crime ambiental e negou a ocorrência de quaisquer outros crimes.