Gepatri de Luziânia prende suspeito e apreende coletes balísticos

299

Tiago Gomes Miranda CostaPoliciais civis do Grupo Especial de Repressão a Crimes contra o Patrimônio (Gepatri) de Luziânia, coordenados pelo delegado Daniel Marcelino, prenderam, no dia 23 de junho, Tiago Gomes Miranda Costa, por manter sob sua guarda acessórios de uso proibido ou restrito. Em cumprimento de mandado de busca e apreensão na casa do suspeito, investigado por crimes contra o patrimônio praticados em Luziânia, a equipe encontrou dois coletes balísticos, sendo um deles de uso restrito das forças armadas (com placas de cerâmica), que suporta munição de grosso calibre. O Gepatri apura se Thiago participa de quadrilha especializada em roubos a bancos e transportes de valores.