Gepatri prende suspeito de roubo a panificadora em Luziânia

293

THALYSSON CARDOSO VARGASPoliciais civis do Grupo Especial de Repressão a Crimes Patrimoniais (Gepatri) de Luziânia, coordenados pelo delegado Daniel Marcelino, prenderam, no dia 9 de junho, Thalysson Cardoso Vargas, em cumprimento a um mandado de prisão pelo crime de roubo circunstanciado, praticado com emprego de arma de fogo e concurso de pessoas.

O roubo em questão ocorreu no dia 13 de maio do corrente ano, numa panificadora de Luziânia. Naquela ocasião, Thallysson e um comparsa renderam seis pessoas que estavam dentro do estabelecimento. Em seguida, mediante o emprego de arma de fogo, os assaltantes subtraíram os celulares dos funcionários e dos clientes, além de dinheiro do caixa.

Logo após o crime, a Polícia Civil identificou os autores, que foram reconhecidos pelas vítimas. Em seguida, a autoridade policial representou pela prisão dos dois perpetradores, que foi rapidamente deferida pelo Poder Judiciário. As investigações continuam a fim de localizar e prender o outro envolvido.