GIH de Anápolis prende mais um autor de homicídio

685
lucas tavares
Lucas José Tavares da Silva

Policiais civis do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Anápolis cumpriram Mandado de prisão temporária em desfavor de Lucas José Tavares da Silva, de 24 anos, apontado como sendo o autor do homicídio de Wesley Martins Vieira, ocorrido em 19 de setembro de 2015, na Vila Jaiara. Na ocasião, Lucas se dirigiu até a residência de Wesley e desferiu diversos disparos de arma de fogo contra a vítima.

Segundo a Polícia Civil, a motivação do crime seria “queima de arquivo”. Meses antes do crime, autor e vítima foram presos em flagrante pela prática de crimes de tráfico de drogas, porte ilegal de arma de fogo e adulteração de sinal identificador de veículo automotor. A intenção de Lucas era de responsabilizar Wesley pelos crimes, diante da negativa de Wesley em assumir a culpa por aqueles crimes, Lucas o matou.

O Delegado Vander Coelho esclarece que o inquérito policial encontra-se em fase final e nos próximos 30 dias será remetido ao Poder Judiciário. Por fim, o delegado enaltece o trabalho primoroso de investigação realizado pela equipe composta pelos agentes de polícia Wagner Vander e Fabiano Felix, e pela escrivã Alessandra Silva da Gama.