GIH de Luziânia prende suspeito de homicídio qualificado

545
romario silva
Romário Silva Nunes

Policiais civis do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Luziânia prenderam, no dia 12 de setembro de 2015, Romário Silva Nunes, em cumprimento a um mandado de prisão temporária, no qual ele consta como um dos investigados pelo crime de homicídio contra a vítima Douglas Alves da Silva, de 18 anos de idade. O crime ocorreu no dia 04 de agosto de 2015.

De acordo com as investigações, no dia do fato, Romário e João Paulo (já preso pela Polícia Civil), em uma moto, seguiram o veículo da vítima até o Centro de Luziânia, onde se aproximaram pelo lado do motorista e, ao emparelharem a moto com o carro, efetuaram cerca de cinco disparos. Em seguida, se evadiram do local. A vítima foi atingida por dois disparos, socorrida e encaminhada ao hospital, porém, não resistiu aos ferimentos e, após dois dias, veio a óbito.

A possível motivação teria sido dívidas da vítima com os supostos executores do crime, João Paulo e Romário, fato este que está sendo investigado pelo GIH de Luziânia. Romário foi preso na casa da namorada dele (que vinha lhe dando abrigo), situada no Setor Aeroporto, em Luziânia.