Investigado por roubo é preso pela Polícia Civil de Niquelândia

490
celino
Juscelino de Abreu Costa

A Polícia Civil, através do Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (GENARC) de Niquelândia, coordenada pelo delegado Cássio Arantes do Nascimento, deu cumprimento a um mandado de prisão em desfavor de Juscelino de Abreu Costa, vulgo “Celino”. O mandado de prisão foi motivado pela violação do que preceitua o artigo 157 do Código Penal Brasileiro, ou seja, roubo. Juscelino já havia sido preso anteriormente em razão da prática de diversos outros crimes, entre eles, lesão corporal, sequestro e cárcere privado e violência doméstica.