Mulher é presa ao ser intimida a falar sobre prisão de traficante

352

thayzPoliciais civis do Grupo Especial de Repressão a Narcóticos (Genarc) de Niquelândia prenderam, no dia 8 de maio, Thayz Pereira Ramos, suspeita de tráfico de drogas. A mulher foi presa quando os policiais foram até sua residência a fim de intimá-la para prestar depoimento acerca da prisão de Edimar Teodoro de Jesus, ocorrida dois dias antes.

Chegando ao local, os policiais encontraram sete celulares de origem duvidosa, uma porção de crack envolta em um papel alumínio e uma lâmina de barbear, possivelmente usada para fracionar a droga. Além disso, um usuário chegou á residência no momento em que os agentes estavam no local e confessou que havia ido ao local para comprar entorpecente.

Diante das evidências, Thays foi conduzida à Delegacia de Polícia. Lá chegando, as escrivãs ainda encontrarm, junto ao corpo da conduzida, outras seis pedras de crack e uma porção de maconha, prontas para comercialização. Thays recebeu voz de prisão pela prática do crime de tráfico de drogas e, em seguida, foi autuada foi encaminhada ao presídio local, onde ficará à disposição da justiça.