Nota de esclarecimento

359

A Polícia Civil do Estado de Goiás esclarece que o Auto de Prisão em Flagrante Delito lavrado contra o Agente de Polícia Gabriel Tortura Chaves foi homologado pelo Poder Judiciário, pois atendeu aos requisitos legais. E que ao policial foi concedida liberdade provisória para responder ao processo em liberdade, nos exatos termos da sugestão feita pela autoridade policial que presidiu o APF, não havendo relaxamento da prisão.