Pai da menina Kerolly é preso em Aparecida de Goiânia

473
sinomar-lopes
Sinomar Firmino Lopes

Pai da menina Kerolly é preso em Aparecida – Os policiais civis Venerando Júnior e Paulo Rodrigues, lotados no Grupo de Capturas e Apoio Operacional (CAOP) da 2ª Delegacia Regional de Polícia (DRP), em Aparecida de Goiânia, prenderam, no dia 10 de novembro, na Vila Maria, Aparecida de Goiânia, o serralheiro Sinomar Firmino Lopes, de 38 anos.

O Juiz da 4ª Vara Criminal de Aparecida de Goiânia, Leonardo Fleury Curado Dias, expediu Mandado de Prisão para execução de pena em desfavor de Sinomar em razão do mesmo ter sido condenado em processo existente naquela vara, por ter praticado crime de lesão corporal e ameaça (arts. 129 § 9o e 147 do CPB – Maria da Penha), em 2008.

Sinomar foi preso e encaminhado para a Casa de Prisão Provisória (CPP), onde deverá dar início ao cumprimento da pena imposta. O preso se tornou conhecido por ter se envolvido em discussão na qual sua filha, Kerolly Alves Lopes, de 11 anos de idade, acabou sendo vítima de homicídio, ao tentar defender o pai, em abril de 2013.