Polícia Civil de Luziânia prende suspeito de estupro e apreende menor homicida

347
rsmb
Menor suspeito de homicídio

Entre os dias 26 e 28 de junho de 2015, policiais civis da Delegacia de Polícia de Apuração de Atos Infracionais (DEPAI) e da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM) de Luziânia, apreenderam um adolescente infrator, suspeito de ato infracional análogo ao crime de homicídio, e prenderam um homem, acusado de crime de estupro de vulnerável.

O adolescente R.S.M.B. já tinha sido apreendido pela Polícia Militar por porte ilegal de arma de fogo. Ele foi mantido internado após representação do delegado Marcus Brener (DEPAI). O menor é investigado pela Polícia Civil por homicídio qualificado, praticado por disparos de arma de fogo, contra Adriano Fernandes Marciel, de 18 anos, no dia 7 de junho de 2015, no bairro Parque Alvorada. O motivo do crime seria o fato da vítima não aceitar o relacionamento de sua irmã com o adolescente infrator.

No dia 28 de junho de 2015, a delegada Caroline Matos efetuou a prisão de F.A.D.S. Ele responde pelo crime de “estupro de vulnerável”, ocorrido em Sobradinho/DF, contra a própria filha, de apenas 10 anos de idade. A Polícia Civil tomou conhecimento de que o suspeito estava no Jardim Marília, em Luziânia, onde foi cumprido o mandado de prisão preventiva.