Polícia Civil de Morrinhos apreende celulares falsificados

446
celulares morrinhos
Aparelhos eram vendidos na rua

A Polícia Civil de Morrinhos prendeu, no dia 31 de agosto, Joaquim Damasceno Faria. Após denúncias, ele foi flagrado comercializando celulares falsificados, na Avenida Couto Magalhães. No momento da abordagem, Joaquim estava com 13 celulares de marcas diversas, todos falsificados, os quais eram vendidos com valores muito abaixo dos praticados no mercado.

Ao ser indagado sobre os fatos, o suspeito alegou que se tratavam de réplicas. Ele foi enquadrado no Art. 190, Lei nº 9.279/96, cuja pena varia de um a três meses de detenção, razão pela qual, após a assinatura do Termo de Compromisso de Comparecimento, foi colocado em liberdade. Segundo o delegado Fabiano Henrique Jacomelis, os consumidores devem ter cuidado ao adquirir produtos falsificados. O ato pode configurar crime de receptação.