Policiais prendem latrocida e concluem caso ocorrido em Varjão

359

WhatsApp Image 2017-02-09 at 16.11.56Policiais civis de Guapó e Varjão prenderam preventivamente na tarde desta quinta-feira (09/02) Domingos Batista Neto, de 35 anos. De acordo com o delegado Arthur Curado Fleury, o preso é um dos autores do latrocínio que vitimou Agnaldo Sousa, fato ocorrido na madrugada do dia 1º de janeiro deste ano, no município de Varjão.

Na data do crime, Domingos e seu comparsa Fábio Batista Leite foram até casa da vítima, roubaram uma motocicleta e outros objetos da residência e a mataram a golpes de faca e esgorjamento (corte na garganta). Fábio foi preso pela Polícia Civil três dias após o episódio, na BR-060, quando ia embarcar para Goiânia.

Fleury afirma que, com a prisão de Domingos, o caso está solucionado e o inquérito concluído será enviado ao Poder Judiciário. O delegado destacou o empenho dos policiais que trabalharam na investigação – agentes Carlos Henrique, Reinaldo Zulu, Eurípedes Benedito, Werley Marques, Renato de Paula e escrivães Karla Pacheco e Henderson Pereira.