Presidente do Sindepol divulga carta ao antigo e ao novo delegado-geral

574
Delegada Silvana Ferreira (Foto: goiania.go.leg.br).

A delegada Silvana Nunes Ferreira, presidente do Sindepol (Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de Goiás), divulgou nesta quarta-feira (21/02) uma carta aos delegados Álvaro Cássio dos Santos, que deixou na semana passada a direção da PCGO, e André Fernandes de Almeida, que assumiu a chefia da instituição. A carta, que foi publicada no site do sindicato, é, nas palavras da presidente, um agradecimento e uma mensagem de boas-vindas. Confira abaixo, na íntegra.

Aos delegados Álvaro Cássio e André Fernandes: carta de boas-vindas e de agradecimento

Integração da Polícia Civil, uma só voz e uma só missão. Foi com gratidão e entusiasmo que nós, do Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de Goiás (Sindepol), participamos da transmissão de cargo de delegado-geral do nosso Estado, realizada no último dia 16 de fevereiro. Gratidão pelos préstimos profícuos e valiosos empreendidos pelo delegado Álvaro Cássio dos Santos enquanto esteve à frente da Polícia Civil, juntamente com sua equipe, a citando nas pessoas dos delegados Marcelo Aires, que esteve como delegado-geral adjunto; Alécio Moreira, superintendente de Polícia Judiciária (SPJ); e Gustavo Ferreira, gerente operacional da SPJ.

Entusiasmo por ver que seu sucessor, delegado André Fernandes, também vislumbra um trabalho de união e equipe na PCGO e fora dela para que a sociedade possa ser a maior beneficiada.

Ambos são homens que têm ciência da importância do nosso papel como agentes da segurança e que não medem esforços para que as metas alcançadas reverberem não apenas em números, mas principalmente em qualidade de vida para a população.

Por isso, aproveitamos o momento para dar as boas-vindas ao novo delegado-geral André Fernandes e a toda sua equipe, formada também pelos delegados Reinaldo Koshiyama (Adjunto) e André Ganga (SPJ). Com mais de 14 anos de experiência na Segurança Pública, o novo delegado-geral, André Fernandes, que começou a carreira na cidade de Posse e passou pela 14ª Delegacia Regional de Jataí, estava à frente de uma das Regionais mais desafiadoras em Goiás. Estamos falando da unidade localizada em Aparecida de Goiânia (2ª DRP), segundo maior município goiano em número de habitantes.

Em seu discurso, o delegado André Fernandes afirmou que estará mais próximo da população, qualificará o atendimento ao cidadão e intensificará as ações da Polícia Civil, como investigação, inteligência, além das iniciativas que remetem à integração. E aqui encontramos o denominador comum entre as gestões passada e futura. O delegado Álvaro Cássio, há 37 anos na instituição, tendo também já comandado a 2ª Delegacia Regional em Aparecida, lembrou do quão importante foi trabalhar para valorizar todos os elos da Polícia Civil, pois são indissociáveis e imprescindíveis: delegados, agentes, escrivães e papiloscopistas.

“Uma eventual desunião seria bem mais danosa à sociedade do que a atuação do criminoso que combatemos no dia a dia”, destacou em discurso nosso experiente colega de profissão que, por dois anos, ocupou o mais alto cargo da Polícia Civil. Ao delegado Álvaro, nossos mais sinceros agradecimentos por tão bem nos representar e lutar por nossa categoria.

Ao delegado André, meu colega de turma, nossos votos de sucesso e também nosso comprometimento em auxiliar na construção do que for imprescindível para melhorias para nossos servidores e para nossa Polícia Civil. Estivemos e sempre estaremos trabalhando lado a lado com os delegados-gerais, levando sugestões e cobrando o que for necessário para que a Polícia Civil do Estado de Goiás continue sendo a Polícia Civil mais eficiente do País.

Silvana Nunes
Presidente do Sindepol – Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de Goiás