Saiba como se proteger da Covid-19

75

Neste mês de março, completamos um ano desde a declaração do estado de pandemia no país. Ao longo desses doze meses, a vida cotidiana mudou drasticamente. Neste período, a Polícia Civil, em conjunto ao governo do estado de Goiás, executou medidas de prevenção à saúde do servidor, como as determinações de distanciamento social e a higienização completa no ambiente de trabalho.

Além do trabalho feito pela instituição, para se proteger é preciso a colaboração individual através de medidas preventivas recomendadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como o uso de máscara, a higienização das mãos e o distanciamento social.

A máscara é essencial neste momento para conter a Covid-19, pois esse cuidado, somado ao distanciamento social e à ventilação adequada nos ambientes, são estratégias efetivas contra a propagação do vírus. É de suma importância que a máscara cubra o nariz e a boca, pois ambos são portas de entrada e saída para o vírus. Para evitar o contágio, é preciso higienizar as mãos antes de colocar ou levar à boca, visto que há risco da superfície estar contaminada após a exposição.

Para ser eficiente, a máscara não deve ser apenas bem ajustada ao rosto, mas também feita de materiais que filtram e bloqueiam o vírus, como a máscara N95, usada por profissionais da saúde em emergências e atendimentos para COVID-19 nos hospitais, assim como as máscaras de algodão com três ou duas camadas. As máscaras sempre devem ser lavadas após o uso, pois, após a exposição, o vírus pode estar na superfície do tecido – em caso de máscaras cirúrgicas, o descarte após o uso é importante pelo mesmo motivo uma vez que não é possível reutilizá-las.

A higienização das mãos com o álcool ou água e sabão é uma maneira eficiente de evitar que o vírus nas superfícies entre no organismo através das mucosas, isto é, através de entradas como olhos, boca e nariz. Ter em mãos um recipiente de álcool em gel, ou fácil acesso à água e sabão, é uma maneira segura de evitar a transmissão do vírus de uma superfície a outra.

Os cuidados citados anteriormente são imprescindíveis nos momentos de contato, por isso, as orientações sempre devem ser seguidas quando há necessidade de exposição, como no trabalho presencial ou no uso de serviços essenciais. Em estado de pandemia, o distanciamento social é a estratégia mais eficiente para evitar a contaminação, pois impede a propagação do vírus para um maior número de pessoas.

Proteger a própria saúde, neste momento, é também proteger a vida das pessoas ao redor. Atualmente é possível manter contato com familiares e amigos facilmente através da internet e do telefone, evitando a propagação do vírus e o esgotamento da rede de saúde. A Divisão de Proteção à Saúde do Servidor (DPSS) da Polícia Civil recomenda as medidas de prevenção seguidas pelas organizações de saúde ao redor do mundo. Os serviços de Psicologia, Enfermagem e Fisioterapia estão disponíveis para auxiliar todos os servidores da Polícia Civil de Goiás.

Fontes: Organização Mundial da Saúde (OMS)
Produzido por: Gabriela Radaelli (Estagiária de Psicologia da DPSS)
Responsável técnica: Aline Resende (Coordenadora do serviço de psicologia da DPSS)