Suspeito de estupro e cárcere privado é preso em Valparaíso

409

D. G. C.Policiais civis da 2ª Delegacia Distrital de Polícia de Valparaíso, lotados no plantão do Grupo A, prenderam em flagrante, no dia 8 de junho de 2016, D. G. C., de 47 anos, pelos crimes de estupro, lesão corporal e cárcere privado. Ele estuprou a enteada de 15 anos, e manteve ela e a mãe em cárcere privado, além de lesionar fisicamente as duas.

L.C.M., de 32 anos, e sua filha, M.L.M, de 15 anos, chegaram à delegacia de Valparaíso pedindo auxílio, alegando que a menor havia sido violentada pelo padrasto. A adolescente contou que os abusos ocorriam há aproximadamente duas semanas. O último abuso ocorreu no dia anterior à denúncia, quando a adolescente foi ameaçada de morte caso relatasse os abusos à mãe.

Ao indagar o companheiro, a mulher foi agredida e trancada em um quarto junto com a menor. Em seguida, o autor amarrou as duas vítimas e foi trabalhar, levando consigo os celulares de ambas, para evitar que pedissem ajuda. Em determinado momento, mãe e filha conseguiram se soltar e quebrar as portas da residência, fugindo por um muro
vizinho.