Suspeito de participação em homicídio é preso em Rio Verde

574

gustavo alexandreA Polícia Civil de Goiás, por meio do Grupo de Investigação de Homicídios (GIH) de Rio Verde, cumpriu, no dia 14 de abril, mandado de prisão preventiva em desfavor de Gustavo Alexandre Cesário, de 19 anos, suspeito de ter conduzido uma moto utilizada no assassinato de Carlos Eduardo Miranda Soares, de 18 anos, morto a tiros no dia 21 de fevereiro deste ano.

De acordo com as investigações, no dia do crime, a vítima estava na porta de sua residência, quando foi atingida por tiros. Mesmo ferido, Carlos correu para dentro do imóvel, onde morreu. O suspeito de ter efetuado os disparos é um adolescente de 17 anos, apreendido em outra ocasião.

Segundo Wellington Lemos, delegado titular do GIH, os suspeitos negaram que sejam eles os autores do crime, mas testemunhas ouvidas durante a investigação sustentam a participação deles no assassinato, inclusive, por meio de reconhecimento. O delegado informou que a motivação do assassinato ainda não foi esclarecida pela investigação. Duas hipóteses são trabalhadas: passional ou acerto de contas.